inteiro teor breve relato
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram

Certidão em inteiro teor e breve relato. Qual a diferença?

A certidão em inteiro teor é fundamental para o processo de cidadania italiana.

Pois, ela contém informações mais detalhadas que facilitam a construção da sua árvore genealógica.

Ela também é importante para determinar se há alguma interrupção na linha de transmissão da cidadania. Por isso, é o único formato aceito pelos consulados italianos no Brasil. Assim como pelos comuni (municípios) na Itália.

O que é a certidão em inteiro teor?

A certidão em inteiro teor contém todas as informações que foram registradas em cartório sobre determinado evento. Dessa forma, ela apresenta dados mais específicos a respeito de:

  • Nascimentos;
  • Casamentos;
  • Óbitos.

Essas informações permitem uma análise mais completa da sua árvore genealógica. O que facilita muito o processo para determinar se você tem ou não direito de se tornar um cidadão italiano.

Tanto os consulados italianos quanto os comuni exigem a certidão em inteiro teor para reconhecer a cidadania italiana. Assim, confira toda a documentação necessária a seguir:

  • Certidão de nascimento original do antepassado italiano;
  • CNN – Certidão Negativa de Naturalização do antepassado italiano;
  • Certificado de casamento (italiano ou brasileiro);
  • Atestado de óbito em inteiro teor;
  • Certidões referentes à todos os descendentes. Todas em inteiro teor.

Para conseguir essa documentação, você deve se dirigir aos cartórios onde esses registros estão arquivados. Porém, essa busca pode ser bem burocrática e demorada.

Por isso vale a pena contar com a assessoria da Bendita Cidadania, uma empresa especializada no processo de cidadania italiana. Já que ela será responsável por preparar toda a documentação e enviar para o consulado.

Quais informações devem constar na certidão?

As informações que devem constar na certidão em inteiro teor variam de acordo com o tipo de documento. Então, acompanhe os principais a seguir:

Certidão de nascimento

A certidão de nascimento em inteiro teor deve conter as seguintes informações:

  • Data, local e hora de nascimento;
  • Dados do declarante;
  • Sexo do bebê;
  • Nome completo dos pais e dos avós maternos e paternos;
  • Nome e sexo do irmão (em caso de gêmeos);
  • Averbações sobre casamentos, divórcios ou óbitos registrados (se for o caso).

Certidão de casamento

Já a certidão de casamento deve conter:

  • Nome completo e dados pessoais dos cônjuges;
  • Data e local de casamento;
  • Nome e dados das testemunhas;
  • Regime de comunhão;
  • Possível alteração nos nomes após casamento;
  • Averbações sobre divórcio do casal ou óbito de um dos cônjuges (se for o caso).

Certidão de óbito

Por fim, a certidão de óbito em inteiro teor precisa conter os seguintes dados:

  • Data, local e hora do óbito;
  • Dados do declarante e do falecido;
  • Motivo do óbito;
  • Nome dos pais e estado civil do falecido;
  • Dados dos filhos (se houver).

Saiba também:

O que é uma Certidão de Breve Relato

Certidão em “Breve Relato”, “Breve Relatório” ou “Simples” contém de forma resumida as principais informações do assento de nascimento, casamento ou óbito.

Exemplo: a certidão que você recebeu quando foi registrado(a) pela primeira vez é de Breve Relato.

Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram