Café na Itália
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram

Café na Itália: uma experiência cheia de manias e nomes diferentes

Tomar café na Itália é uma experiência que envolve muitas particularidades, como quase tudo no país. São vários nomes e jeitos diferentes de tomar a bebida.

Para começar, foram os italianos que inventaram o costume de consumir diferentes tipos de café, como o Macchiato, o Cappuccino, o Marocchino e assim por diante.

Na Itália, mais que um hábito, tomar café é uma experiência, um momento de prazer. É o momento de pausa, no qual os italianos reservam uma parte do dia para saborear a textura, o sabor e a consistência da bebida quente, como forma de compensação pelas atribulações diárias.

A rede de cafeterias Starbucks tem muitas dificuldades na Itália, pois a população local não é apegada a bebidas super açucaradas e cheias de enfeites.

Além disso, os italianos não têm o costume de tomar café andando pelas ruas, como os norte-americanos e pessoas de muitos outros países, mesmo na União Europeia.

Muitas xícaras de café na Itália não ficam cheias nem até a metade. O que vale é a qualidade e não a quantidade.

Café na Itália, um mundo de sabores e estilos

Se quiser experimentar os cafés da Itália, tem que investir algum tempo. Pela manhã, vale pedir um Espresso. Ou um Espresso Doppio, o “Espresso Duplo”, se quiser uma xícara um pouco mais cheia.

O Macchiato, que significa “Manchado”, é o café expresso com um pouco de espuma de leite. Uma versão um pouco mais aveludada do café expresso comum.

Já o Cappuccino, na Itália, pode chocar muitos brasileiros, pois não leva chocolate ou canela, como a receita do Brasil. Os italianos tomam o Cappuccino original, que consiste apenas em café, leite e espuma.

Cappuccino na Itália

Se deseja uma bebida parecida com o Capuccino à brasileira, peça pelo Marocchino, que leva em sua receita uma camada de chocolate em pó no topo.

Outra variedade de café na Itália é o affogato, um café espresso com uma bola de sorvete de creme. Acompanha um bom e velho tiramissù, o que resulta em uma harmonização perfeita.

Costumes e similaridades com o Brasil

A Itália tem algumas peculiaridades em sua cultura do café e algumas são bem curiosas e bonitas. É o caso do caffè pagato, ou caffè sospeso, costume de deixar um café pago em um bar ou cafeteria para quem não tem dinheiro para pagar sua própria xícara.

Para os brasileiros que estiverem na Itália e quiserem matar a saudade do bom e velho café com leite, basta pedir um caffè latte ou latte macchiato, a versão italiana mais próxima do nosso velho conhecido. Inclusive ele é servido em copo de vidro, como nos bares brasileiros.

Agora que você aprendeu várias curiosidades sobre essa bebida deliciosa na Itália, que tal um cafezinho com a equipe da Bendita Cidadania e saber mais sobre processos de reconhecimento cidadania italiana?

Agende uma visita!






    Share on twitter
    Share on facebook
    Share on linkedin
    Share on whatsapp
    Share on telegram